Aos 31 anos, Gonçalves decide aposentar as luvas

Por Allan Santana

O goleiro Gonçalves surpreendeu a todos ao anunciar sua aposentadoria no início deste mês. Aos 31 anos, o arqueiro escolheu o Facebook para informar a decisão. Gonçalves chegou ao Tupi aos 16 anos, mas também defendeu as cores do Democrata SL, Sport JF, São Caetano, Aquidauanense e Formiga. Ele falou com exclusividade ao Chamou Digital (CD)

CD: Por que decidiu se aposentar ?

Gonçalves:  Havia um tempo que estava com este conflito interno de parar ou não. São muitas coisas envolvidas, como a instabilidade financeira e a família. Já não tinha aquele prazer todo em ir para o campo, treinar… Precisava dar um novo rumo na minha vida, conhecer novas pessoas.

CD: Sua última partida foi contra o Fluminense, em abril de 2014. A que você atribui a falta de oportunidades?

Gonçalves: Independente de jogar ou não, sempre fui extremamente profissional. Fazia a minha parte, sempre treinava em alto nível. Infelizmente, neste período, chegaram alguns goleiros e trocamos muito de treinador. Faltou alguém bancar “Agora é a vez do Golçalves, vamos dar uma oportunidade para ele.”  Por eu ser da casa, não estar jogando, acaba que pesava na escolha.

CD: Você já rescindiu o contrato com o Tupi. O clube te deve algo?

Gonçalves: O Tupi tem uma pendência comigo e com outros atletas que estiveram na campanha da Série C. Estamos esperando uma posição do clube e torcendo para que isso se resolva o mais rápido possível.

CD: Quais foram os jogos inesquecíveis?

Gonçalves: Sem dúvidas, a partida contra a Aparecidense-GO, pelas  oitavas de final da Série D, em 2013. O jogo estava se encaminhando para a eliminação do Tupi, eu estava no banco, já ajoelhado, quando o Ademilson ia fazer o gol, entra aquele cara lá, nada a ver, o Esquerdinha, e evita o gol por duas vezes e gera aquela confusão toda… Foi algo inusitado, que espalhou para o mundo todo e  eu nunca tinha visto algo parecido.

Relembre o lance abaixo:

Outro jogo memorável foi na estreia do Campeonato Mineiro de 2013. A partida foi contra o América, na Arena Independência. Defendi um pênalti cobrado pelo Obina, no final da partida. Aquele lance me marcou muito. Me preparei muito, psicologicamente, emocionalmente e até mesmo espiritualmente. Foi um jogo que eu sabia que seria decisivo para mim. Eu iria sair do Tupi, já estava tudo certo… Houve um “mover” muito grande, acabei jogando e fazendo uma grande atuação. Continuei no clube, tive uma melhora no meu salário, foi um divisor de águas.

 Relembre aqui:



CD: Um de seus projetos é a Goolsalves, escola de goleiros. O que você costuma dizer para quem está começando?

Gonçalves: Digo que é preciso muito trabalho. O goleiro tem que entender que é preciso repetição, humildade para aprender, reconhecer os erros, saber ouvir e assumir a liderança dentro de campo. Mais do que nunca, o goleiro necessita de uma parte emocional muito estabilizada, a mente precisa ser trabalhada. Tem a questão extra-campo também. Um bom goleiro não se faz só dentro de campo, mas fora dele também. Tem que ter hora pra tudo, principalmente para descansar e repor as energias.

 CD: Algum outro projeto em vista?

Gonçalves: Neste período acabei me envolvendo em questões políticas e algumas portas foram se abrindo. Quem sabe, futuramente, a Goolsalves não atue em algo que ajude pessoas menos favorecidas? Isso sempre foi algo que tive em meu coração. A política quando é feita de uma forma honesta, é possível ajudar a quem realmente precisa.

 

IMG_20181010_101017[1]Já no primeiro dia, Gonçalves não deu moleza aos alunos (Foto: Allan Santana)

Logo após a entrevista, Gonçalves iniciou a aula com os primeiros alunos: Lucas Albuquerque, Carlos Eduardo Aleixo e Danilo Rodrigues. Quem quiser mais informações sobre a Goolsalves Escola de Goleiros, pode entrar em contato pelo (32) 99145-1707.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s